Brasília, 18 de Novembro de 2017
Página inicial
Quem somos
Contato
Cadastre-se
Anuncie aqui
Notíias | Entrevistas | Notas | Artigos | Enquete | TV CâĘmara | TV Senado | Agendas

Anuncie Aqui

CORRUPÇÃO
PGR envia ao Supremo dela√ß√£o premiada de L√ļcio Funaro 29.08.2017
Delator L√ļcio Funaro

Brasília – A Procuradoria Geral da República (PGR) enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a delação premiada do doleiro Lúcio Funaro para homologação. O conteúdo da colaboração está sob sigilo.

De acordo com as informações a delação firmada no último dia 22 foi remetida para o STF porque o doleiro citou nos depoimentos o presidente Michel Temer e outros nomes de pessoas com foro privilegiado. A homologação da delação premiada caberá ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo.
 
Se homologada, a delação de Funaro voltará para análise da Procuradoria Geral da República, que poderá usar as informações em investigações já em andamento ou pedir a abertura de novos inquéritos.
 
A delação de Funaro, assim como a utilização dos depoimentos em procedimentos investigatórios, deverá ser um dos últimos atos de Rodrigo Janot à frente da PGR. O mandato dele termina no próximo dia 17 de setembro. No lugar dele assumirá a subprocuradora Raquel Dodge.
 
Os depoimentos dados por Funaro antes mesmo da assinatura do acordo de colaboração comprometeram  o ex-ministro Geddel Vieira Lima acusado de receber várias malas de dinheiro em uma sala do aeroporto de Salvador (BA).
 
Já outro depoimento, também à Polícia Federal, foi usado na denúncia contra o presidente Michel Temer por corrupção passiva. Funaro disse que o presidente Michel Temer tinha conhecimento do pagamento de propinas na Petrobrás.
 
Fonte: Portal G1


ABC POLITIKO - LINHA DIRETA COM O PODER
COMENTE ESTE ARTIGO   LEIA COMENT√?RIOS (0)  

Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal
CONTE√öDO RELACIONADO

VEJA MAIS

18-11-2017 Deu "um branco"...
18-11-2017 Processo lento
18-11-2017 Juízes questionam no STF liberação de Picciani e mais dois
18-11-2017 Justiça do DF condena Renan Calheiros à perda do mandato
17-11-2017 Quase 27 milh√Ķes de pessoas est√£o sem trabalho no Pa√≠s

VEJA TODOS

SRTVN Quadra 701 Bloco B Sala 826 - Centro Empresarial Norte | Brasília - DF | CEP 70710-200 | Fone: (61) 3328-2991 | Fax: (61) 3328-2152