Brasília, 18 de Novembro de 2017
Página inicial
Quem somos
Contato
Cadastre-se
Anuncie aqui
Notíias | Entrevistas | Notas | Artigos | Enquete | TV CâĘmara | TV Senado | Agendas

Anuncie Aqui

LAVA JATO
Mantega vai revelar opera√ß√Ķes do BNDES 03.09.2017
Divulgação
Mantega tenta evitar pris√£o

Brasília - O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega fechou um acordo com o Ministério Público no Distrito Federal para dar informações sobre operações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Este acordo não é uma delação premiada, mas, sim, um termo de compromisso.

Na delação premiada, a pessoa reconhece que cometeu crime e, por fornecer informações, recebe benefícios como redução de pena ou progressão de regime. Já no termo de compromisso, a pessoa não precisa reconhecer crime. Ela fornece informações e recebe benefícios em troca.

Para Mantega apresentar informações sobre o BNDES, o acordo prevê que o Ministério Público não pedirá a prisão do ex-ministro. O termo de compromisso ainda precisa ser homologado pela Justiça Federal de Brasília.

Operação

O acordo foi fechado entre Mantega e o Ministério Público no âmbito da Operação Bullish, deflagrada em maio deste ano. A Polícia Federal investiga fraudes em aportes concedidos pelo BNDES por meio do BNDESPar (braço do banco que compra participações em empresas como forma de empréstimo) ao frigorífico JBS.

Os donos da JBS, os irmãos Joesley e Wesley Batista, e alguns outros executivos da empresa fecharam acordo de delação premiada com o Ministério Público na Operação Lava Jato.

Segundo Joesley, Mantega atuou para beneficiar a JBS no banco. No depoimento, o empresário acrescentou que, sem a "pressão" do ex-ministro, a JBS não teria conseguido empréstimo para comprar a empresa Swift Argentina. Uma CPI foi criada no Congresso Nacional para investigar repasses do BNDES.

Com agências 



ABC POLITIKO - LINHA DIRETA COM O PODER
COMENTE ESTE ARTIGO   LEIA COMENT√?RIOS (0)  

Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal
CONTE√öDO RELACIONADO

18-11-2017 Juízes questionam no STF liberação de Picciani e mais dois
16-11-2017 TRF2 decide pela pris√£o de Picciani e mais 2 deputados
16-11-2017 TRF2 julga hoje pedido de pris√£o de Picciani e mais 2 deputados
14-11-2017 MPF acusa Picciani de receber R$ 83 milh√Ķes
14-11-2017 Condenado e solto, Dirceu dança nas barbas da Justiça
12-11-2017 Políticos articulam projetos para barrar combate à corrupção
VEJA MAIS

18-11-2017 Deu "um branco"...
18-11-2017 Processo lento
18-11-2017 Juízes questionam no STF liberação de Picciani e mais dois
18-11-2017 Justiça do DF condena Renan Calheiros à perda do mandato
17-11-2017 Quase 27 milh√Ķes de pessoas est√£o sem trabalho no Pa√≠s

VEJA TODOS

SRTVN Quadra 701 Bloco B Sala 826 - Centro Empresarial Norte | Brasília - DF | CEP 70710-200 | Fone: (61) 3328-2991 | Fax: (61) 3328-2152