Brasília, 16 de Agosto de 2018
Página inicial
Quem somos
Contato
Cadastre-se
Anuncie aqui
Notíias | Entrevistas | Notas | Artigos | Enquete | TV Câmara | TV Senado | Agendas

Anuncie Aqui

LAVA JATO
Palocci revela à PF que levava pacotes de dinheiro para Lula 27.04.2018
Divulgação
Palocci entregava propina a Lula

Brasília - O acordo de delação premiada assinado pelo ex-ministro Antonio Palocci com a Polícia Federal envolve a atuação dos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff nos crimes apurados pela Lava Jato, como corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A informação é do jornal O Globo, que revelou ontem o acordo fechado entre as partes.

Por se tratar de uma colaboração negociada na primeira instância, caberá ao juiz Sérgio Moro, responsável pela operação no Paraná, homologar o acordo.
 
Segundo o jornal, a delação envolve o esquema de arrecadação do PT junto a empreiteiras com contratos no governo e estatais citadas na Lava Jato e a atuação dos dois ex-presidentes petistas.
 
Preso desde setembro de 2016 em Curitiba, Palocci foi condenado a 12 anos, dois meses e 20 dias de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
 
De acordo com O Globo, ao falar de Lula, Palocci detalhou ocasiões em que foi pessoalmente levar pacotes de dinheiro vivo ao ex-presidente e relacionou datas e valores entregues por um de seus principais assessores, Branislav Kontic, na sede do Instituto Lula.
 
Segundo Palocci, os pagamentos ao ex-presidente, feitos nos últimos meses de 2010, quando ele se preparava para deixar a Presidência da República, chegavam a somar R$ 50 mil, dinheiro que seria usado por ele para bancar despesas pessoais.
 
O ex-ministro disse ainda que parte desse dinheiro saía diretamente da conta “Amigo”, reserva de propina atribuída ao petista pela Odebrecht.
 
Já ao citar Dilma, Palocci afirmou aos investigadores, segundo o jornal, que ela teria atuado para atrapalhar as investigações da Lava Jato ao nomear Lula para ministro da Casa Civil, em março de 2016.

Defesas
 
Em nota, Dilma afirmou que “o ex-ministro mente para sair da cadeia e não tem provas para sustentar acusações a ela ou Lula”. A defesa de Lula disse que ele jamais pediu ou recebeu vantagens indevidas.
 
Já o PT afirmou que Palocci “rendeu-se às chantagens da Lava Jato” e faz “falsas acusações” contra Lula para receber benefícios.


ABC POLITIKO - LINHA DIRETA COM O PODER
COMENTE ESTE ARTIGO   LEIA COMENT√?RIOS (0)  

Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal
CONTEÚDO RELACIONADO

14-08-2018 Mantega vira r√©u por propina de R$ 50 milh√Ķes
11-08-2018 MPF denuncia Mantega, Palocci e mais 9 por corrupção
04-08-2018 Duque confirma que Lula e Dirceu recebiam propina
21-07-2018 Lula, "preso político"
27-06-2018 No país da Justiça pelo avesso
22-06-2018 TRF-4 homologa delação do ex-ministro Palocci
VEJA MAIS

16-08-2018 Procuradora contesta no TSE candidatura de Lula ao Planalto
15-08-2018 Alckmin presta depoimento sobre caixa 2 em campanhas
15-08-2018 Porandubas Políticas
15-08-2018 Deputado-presidi√°rio tem liminar para registrar candidatura
15-08-2018 Relator pode negar pedido de Lula, diz Rosa Weber

VEJA TODOS

SRTVN Quadra 701 Bloco B Sala 826 - Centro Empresarial Norte | Brasília - DF | CEP 70710-200 | Fone: (61) 3328-2991 | Fax: (61) 3328-2152