Brasília, 17 de Novembro de 2018
Página inicial
Quem somos
Contato
Cadastre-se
Anuncie aqui
Notíias | Entrevistas | Notas | Artigos | Enquete | TV Câmara | TV Senado | Agendas

Anuncie Aqui

LAVA JATO
Ex-segurança ia a Atibaia 3 a 4 vezes por semana 14.06.2018
Divulgação
Sítio de Atibaia é atribuído a Lula

Brasília - O ex-segurança da equipe do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) Itamar de Oliveira afirmou nesta quarta-feira (13) ao juiz Sérgio Moro que cumpria ordens da ex-primeira-dama Marisa Letícia no sítio de Atibaia (SP) e que, a mando dela, ia até o local de 3 a 4 vezes por semana entre 2010 e 2011.

Oliveira foi ouvido como testemunha de defesa de Rogério Aurélio Pimentel, assessor especial de Lula à época da Presidência da República. Nesta ação, Lula é acusado pelo MPF (Ministério Público Federal) de ter recebido propina de R$ 1,02 milhão das empresas Odebrecht, OAS e Schahin por meio de obras feitas no sítio, que era frequentado pelo ex-presidente e sua família.

O ex-segurança contou que trabalhou com Aurélio por seis anos, desde 2005, começando como segurança e depois passando a assistente de ordem. Ele disse ainda que apenas entre dezembro de 2010 e janeiro de 2011 --período que coincide com as obras realizadas no sítio-- levou Aurélio à propriedade de três a quatro vezes por semana. Tanto ele como Aurélio, afirmou Oliveira, cumpriam ordens dadas "especialmente" por Marisa Letícia.

Oliveira disse ainda que, junto a Aurélio, se deslocava do apartamento do ex-presidente, em São Bernardo do Campo (SP), até o sítio. Em todos os casos, afirmou, Marisa Letícia era quem determinava quais "serviços" deviam ser feitos.

O ex-segurança também afirmou que Aurélio passava um "pronto" a Marisa Letícia —uma espécie de retorno com "o que foi feito e o que não foi feito" entre o que havia sido solicitado por ela.

Segundo a defesa de Fernando Bittar, um dos donos do sítio e amigo de Lula, as obras foram feitas a pedido de Marisa Letícia, com autorização de Bittar .

O MPF acusa Lula de ser o real proprietário do sítio. O advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, diz que o ex-presidente não é e jamais foi o proprietário desse sítio e tampouco solicitou ou recebeu qualquer vantagem indevida.

Com agências 



ABC POLITIKO - LINHA DIRETA COM O PODER
COMENTE ESTE ARTIGO   LEIA COMENT√?RIOS (0)  

Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal Voltar a P√°gina Principal
CONTEÚDO RELACIONADO

16-11-2018 Juíza dá prazo até segunda para pedidos da defesa de Lula
14-11-2018 Lula nega ter tratado de reforma do sítio com empreiteiras
13-11-2018 Militares de volta à cena política
12-11-2018 Ex-ministro Joaquim Levy vai comandar o BNDES
12-11-2018 Lula ter√° que devolver R$ 20 milh√Ķes por candidatura barrada
11-11-2018 Aplausos ruidosos e ameaças silenciosas
VEJA MAIS

16-11-2018 Juíza dá prazo até segunda para pedidos da defesa de Lula
14-11-2018 PGR investiga se Onyx recebeu R$ 100 mil em 2012
14-11-2018 Lula nega ter tratado de reforma do sítio com empreiteiras
13-11-2018 Militares de volta à cena política
12-11-2018 Ministro do STJ manda soltar Joesley e mais 17

VEJA TODOS

SRTVN Quadra 701 Bloco B Sala 826 - Centro Empresarial Norte | Brasília - DF | CEP 70710-200 | Fone: (61) 3328-2991 | Fax: (61) 3328-2152